Fernando Mendes

From CycloLusitano
Jump to: navigation, search
Fernando Mendes Cycling pictogram svg.png
Fernando Reis Mendes.jpg

Flag of Portugal.gif Portugal
Fernando dos Reis Mendes
Nascido a 15.09.1946
(Rio Meso-Mafra)
Falecido em 06.10.2001
Profissional desde: 1965 a 1981


Equipas em Portugal:
  • Ovarense (1965)
  • Benfica (1966,1967,1968,1969,1970
    1971,1972,1973,1974,1975)
  • FC Porto (1978,1979)

Equipas no estrangeiro:
  • Flandria (1970,1972,1973)
  • Kas (1974)
  • Frisol-GBC (1975)
  • Teka (1975,1977)
  • Sem-France Loire (1981)

85 vitórias


Principais vitórias:

Jersey yellow.png 1 Volta a Portugal: 1974
1 Grande Prémio Clok: 1978
3 Porto-Lisboa: 1971, 1972, 1973
11 etapas na Volta a Portugal
1 etapa na Volta ao Algarve

MaillotPortugal.png Campeão Nacional de Estrada:
1974, 1975, 1978
MaillotPortugal.png Campeão Nacional de Contra-relógio:
1974, 1975


Lugares Top 10 nas Grandes Voltas:

Jersey blue.svg.png venceu as Metas volantes na Vuelta a España 1975


Ciclista do Ano do CycloLusitano:
  • 1975

  • Foi o grande rival (e amigo) de Joaquim Agostinho, reeditando o duelo Benfica-Sporting dos anos 20, entre Nicolau e Trindade.
  • O seu Palmarés na Volta só não foi maior porque foi contemporâneo do grande Joaquim Agostinho, que dominou a Volta entre 70 e 73. Ainda assim, Fernando Mendes marcou uma época no nosso ciclismo, sendo um dos grandes nomes de sempre na velocipedia nacional.
  • Era um corredor completo, que aliava a sua força natural com a sua grande vontade de vencer em todas as corridas. Exemplo dessa tenacidade foram as suas 3 vitórias consecutivas na Clássica Porto-Lisboa, em 70, 71 e 72. Venceu praticamente todos os Grandes Prémios que se disputavam à época e fez boa carreira no estrangeiro, destacando-se um 6.º lugar na Vuelta bem como a vitória no prémio das Metas Volantes, entre outros honrosos resultados.
  • Infelizmente, faleceria cedo, em 2001. O ciclismo português perdia assim um dos míticos nomes dos gloriosos anos 70.

Contents

Palmarés

1965

5º no Circuito José Bento Pessoa
12º na Clássica Porto-Lisboa

1966

9º na Volta a Portugal, 1 etapa
1º no Circuito do Cartaxo
6º no Circuito de Rio Maior

1967

Campeão Nacional de Perseguição por Equipas
1º em Lisboa
3º no Campeonato Nacional
3º no Circuito de Lisboa
3º no Circuito de Torres Vedras 
4º na Volta a Portugal

1968

1º no GP Robbialac, 3 etapas
1º no GP Casal, 1 etapa
6º na Volta a Portugal, 1 etapa
6º no GP Philips, 1 etapa
1 etapa no GP do Porto
2º no GP de Pâques
4º na Clássica Lisboa-Porto
6º no Campeonato de Portugal

1969

2º na Volta a Portugal, 3 etapas
2º no GP Riopele, 2 etapas
1º no Circuito da Malveira
1º no Circuito de Rio Maior
3º no GP Robbialac, 1 etapa, 1º Pontos
2º no Campeonato de Portugal
2º no Campeonato Nacional de Perseguição Individual
2º na Clássica Porto-Lisboa
3º no Campeonato Nacional de c/relógio por Equipas
5º no GP Philips
5º no GP Casal
18º nos Mundiais de Estrada

1970

1º no GP Riopele, 1 etapa
1º no GP Casal, 2 etapas
1º no GP Philips, 1 etapa
1º no Circuito das Caldas da Rainha
2º no GP Robbialac, 1 etapa
2º no Campeonato Nacional
3º no Circuito do Montijo
8º na Omloop der Vlaamse Gewesten 
10º no Tour de Wallonie
13º no GP Pino Cerami
22º no Tour de Romandie
25º no Campeonato de Zurique

1971

1º na Clássica Porto-Lisboa
1º no GP Riopele, 2 etapas
1º no Circuito das Caldas da Rainha
2º no Campeonato Nacional
3º na Volta a Portugal
3º no GP Cerâmica
3º na Valadares-Porto
5º na Vuelta a Mallorca
11º na Vuelta a Cantábria
25º na Volta ao País Basco

1972

1º na Clássica Porto-Lisboa
1º no GP Nocal, Angola
1º no Circuito de Lisboa
1º em Olival Basto
2º no Campeonato Nacional, 1º na prova em linha
Campeão do Sul de Portugal
9º na Clássica Lisboa-Porto
14º na Volta a Portugal, 1º Pontos 
26º no GP du Midi Libre

1973

1º na Clássica Porto-Lisboa
1º no GP Figueira da Foz 
2º na Volta a Portugal, 2 etapas, 1º Pontos
3º no Lisboa-Algarve, 1 etapa
1º no Circuito da Malveira
1º no Circuito dos Campeões (Figueira da Foz)
1º em Lisboa
1º no Circuito de Pinheiro de Loures
Campeão do Sul de Portugal
3º na Volta à Bairrada
4º na Vuelta a Aragón
7º no Campeonato Nacional
11º na Volta ao País Basco
16º na Klasika Primavera de Amorebieta
18º no Tour de France
28º na Vuelta a España

1974

1º na Volta a Portugal, 3 etapas, 1º Pontos
1º no Campeonato Nacional, 1º nas 2 provas
1º na Volta aos Açores
1º no GP Curado, 1 etapa
1º no GP de Lisboa
1º no Circuito de Loures
1º no Circuito do Lumiar
1º no Estádio da Luz
1º no Circuito de Lisboa
1º no Circuito de São João das Lampas
2º na Volta a São Miguel, 1 etapa
2º na Clássica Porto-Lisboa
11º na Vuelta a España

1975

1º no Campeonato Nacional, 1º no c/relógio
1º no Rapport Toer (África do Sul), 3 etapas
2º no GP Clock, 1 etapa
1º no Circuito de Cascais
1º no Circuito do Cartaxo
1º no Circuito de Sacavém
3º na Clássica Porto-Lisboa
5º na Vuelta a Aragón
6º na Vuelta a España, 1º Metas Volantes

1976

3º no Criterium Internacional de Viseu, 1 etapa
8º nos Tres dias de Leganes
17º no Giro de Itália
20º na Vuelta a España
23º na Semana Catalã, 1º Sprints Intermédios

1977

2º na Vuelta a los Vales Mineros
13º na Vuelta a España
20º na Vuelta a Andalucía
21º na Semana Catalã
27º no Tour de France

1978

Campeão Nacional de Estrada
1 etapa na Volta a Portugal
1º no GP Clok, 1 etapa
1º no GP Duas Rodas
1º nas 20 Voltas a Santarém
2º na Volta ao Algarve, 1 etapa

1979

4º no Campeonato Nacional de Estrada
6º na Volta ao Algarve

1980

1 etapa na Volta a Portugal
2º no GP do Concelho de Loures
3º no Campeonato Nacional de Estrada
4º no Troféu Joaquim Agostinho

1981

4º na Route d'Occitanie
4º no GP de Cannes
19º no GP du Midi Libre

Etapas míticas





Os grandes campeões do ciclismo português

Personal tools
Namespaces

Variants
Actions
Navigation
Tools